09 setembro, 2008

comida chinesa e coca cola [2]

finalmente a continuação;


ele a apertou nos braços,e ela deslizou as mãos pelo cabelo dele. Como ela não queria perde-lo.
-quer um pouco de café?
-quero é te levar pra jantar.
-mas,agora?
-e porque não,já?
-e porque sim?
-podemos pedir comida chinesa,mas eu quero que vc jante cmgo
-algum problema?
-você trabalha demais,só quero ter certeza que vai se alimentar.
- tudo bem,você venceu
-eu sempre venço.

Ela se levantou e em um movimento imprevisto o beijou. Ele supreendeu-se e soltou-lhe os cabelos, a massa de cabelo loiros médios lhe caiu pelas costas. Ela envolveu a cintura dele com os braços. As pernas dela tremeram,ela se sentia uma adolescente quando tava perto dele. Sem pensar deslizou as mãos por baixo da camiseta dele.
ele não aguentou de vontade
lhe apertou as coxas por tras e levatou-a quase 10 cm do chão. Ela sorriu enquanto ele a levava para o quarto. ela berrou
-e a comida?
-eu ja trouxe esta na cozinha

O sorriso dele invandiu o dela num beijo quando deu-se pro si ja estava ajudando-o a tirar a roupa.
E quando notaram ja estavam tentando unir seus corpos num só.

quando terminaram ela se aconchegou no peito dele e disse como uma criança
-to com fome
ele sorriu
-eu te amo tanto pequena.
ela beijou-lhe o queixo e ele pro sua vez passou o dedo na covinha do seu sorriso
foram para a cozinha

coca cola e comida chinesa

- em que vc estava trabalhando?
- em um novo texto,mas meus pensamentos nunca chegam a um só lugar.
-gosto disso em vc.



[fim]

espero que todos tenham gostado, queria ter mais insipiração par fazer outros assim

talvez amanha seja nosso ultimo dia na terra ;D LHC o acelerador de particulas vai ser ligado amanha
enfim

carpe diem
até a proxima

9 comentários:

Mariana Valente disse...

adorei menina sumida!!!

beijocas e otima quarta pra ti!

biazinha disse...

Ficou ótimo. Teus diálogos são muito bons!
Beijos.*

Anna Oh! disse...

Q medo de uma nova explosão hauahauahauahau.

sblogonoff café disse...

Eita!
Eu gostei do texto e por não ter sido seu último dia na Terra, aguardarei outros!
Gosto da fúria que você imprime em seus textos. E agora, coma ternura do momento entre os dois, eu diria que foi uma excelente dosagem!!!
Eu acho que preciso de comida chinesa... Aqui só tem muqueca e eu não como não!!rs

dreamer disse...

hummmmmmmmmm, que bom que gostou, fi recíproco aqui, li o post mas preciso ler o resto, aliás o ínício, rs bjs ardentes!

wolfcrowling disse...

Muito bom...
talvez se você tentar passar mais tempo escrevendo você consiga aprimorar esse tipo de conto...
é uma delícia escrever sobre corpos quentes...
faz a gente não conseguir parar mais...
parabéns pelo blog...
bjks =o*

Cris Santos disse...

Adorei :)
O seu conto ficou otimo!
Sempre quis, mas nunca consegui escrever historias assim, agradaveis, interessates e cotidianas; deu uma certa dor de cotovelo, mas td bem rs.
Vai ter bis?
Aproveita que ainda não foi dessa vez que conseguiram explodir o mundo rs
ah e vc tbm é são paulina então?
Beijos!

Patsy Zombilly disse...

hmmmm adorei, super visualizei a cena :)

Love,

P.

Anônimo disse...

Espero que continue..
..
...

sabes quem é!

=0)